Ranking de poderio militar para 2021

Foi recentemente actualizado o índice de potencial força militar de 138 países da Gobal FirePower (GFP).
Nesta lista anual, cada país é avaliado com base numa multiplicidade de factores relacionados com uma campanha militar ofensiva ou defensiva prolongada.

O cálculo é feito através de uma fórmula traduzida no índice de poder ‘PwrIndx’ (na coluna direita do gráfico), tem em consideração mais de 50 factores militares convencionais e civis para determinar a pontuação de um determinado país, com categorias que vão desde os recursos humanos, forças terrestres, forças navais, recursos naturais, logísticos e financeiros ou infra-estruturas.

A fórmula usada permite que nações mais pequenas, mas tecnologicamente mais avançadas, possam competir com nações maiores e menos desenvolvidas, com um sistema de bónus e penalizações que são aplicados para dar mais precisão à lista.

Uma pontuação PwrIndx perfeita seria de 0,0000, que é realisticamente inalcançável; quanto menor o valor PwrIndx, mais poderosa é a capacidade teórica de combate de uma nação (por meios convencionais). A capacidade nuclear não é tida em conta neste ranking.

Portugal ocupa a posição 52, com um PwIndx 0.868. O Butão é o último da lista, com um PwrIndx de 21.3233.