Uma agenda sinistra por detrás da crise da água na Califórnia?

O desmantelamento sistemático de uma das regiões agrícolas mais produtivas do mundo, utilizando o manto sedutor da “protecção ambiental”, enquadra-se na agenda mais vasta do Grande Reinício de Davos e nos seus planos para transformar radicalmente a agricultura mundial no que a Agenda 2030 das Nações Unidas chama de agricultura “sustentável” – não mais proteínas de carne.